Jump to content
×
×
  • Create New...

NEW VIDEO: What TikTok Does to Your Brain

[BR] Quests da vida real


Recommended Posts

  • 11 months later...

Cara! Quanta coisa aconteceu e cá estou novamente, 2022, pronto para derramar minhas lágrimas gamers haha. Realmente compartilhar as coisas aqui tira um peso das costas.

O fato é que estou muito mais consciente sobre os efeitos nocivos dos games e evolui bastante nas minhas responsabilidades.

Estou bem focado para uma prova muito difícil agora em 2 semanas e confesso que a única coisa que tem me tirado a atenção é o Wild Rift 😰 Jogos de celular tem se mostrado muito viciantes e caros…

Mas acabei de desinstalar o app do meu celular principal (tenho outro só pra games que fica na gaveta) e corri para cá prestar meu desabafo. Tive essa recaída depois que passei pela última gripe viral aqui do Brasil.

Tenho certeza que vou largar esse vício, pois tenho objetivos muito maiores pela frente e esse mal hábito não pode me parar.

BF895BE5-7ABA-4DD0-AD0C-316CE87BEE36.jpeg

Link to comment
Share on other sites

Acordei hoje bem e antes do trabalho joguei uma partida de wild rift. Já desinstalei do celular principal mas eu gosto muito desse joguinho 😓😓😓

Vou superar e jogar cada vez menos. Próxima semana vai faltar 15 dias para a minha prova e não vou jogar até lá. Então eu tenho ate a próxima segunda-feira para largar os games por bem.

Espero não estar me iludindo.

Essa época de restrição social realmente mexeu muito comigo. Não tenho mais hábitos sociais e os games tem sido meu “ópio mental”.

Link to comment
Share on other sites

Sinceramente, como as coisas no mundo real estão acontecendo, as vezes ficar em casa e jogar durante o resto do dia não é tão mal assim.

Poeticamente sair para caminhar e ver o por do sol funciona bem. Mas na prática as coisas são diferentes. Quando estamos falando de um país Brasil e uma cidade chamada Salvador, a realidade pode ser muito pior que a teoria. 

Por aqui não temos segurança e os indicies de acidentes e crimes é muito elevado. Em um simples passeio pela a orla da cidade você pode ser facilmente acidentado por um ciclista em alta velocidade e sem responsabilidade alguma, como a maioria dos condutores de bike Itaú são aqui no meu bairro.

Bike Itaú eh legal? Sim. É econômico? Sim. Oferece perigo aos pedestres? Constantemente. E isso é o menor dos problemas! Pois o trânsito de veículos também é caótico na cidade e causa ferimentos muito mais graves, outrora mortes.

Como devemos estudar e trabalhar com saúde depois de sofrer alguma lesão ao sair de casa?
Lá fora as pessoas estão passando fome e outros gastam milhões em um carro BMW.

Como vocês podem achar que essa matemática não vai explodir em algum momento e ferir a sua vida particular ou pública?

Ficar em casa jogando e confinado pode parecer coisa de fracassado. Mas na realidade só estamos nos adaptando ao ritmo atual do mundo que não para de enviar boletos de contas para pagar.

É muito fácil caminhar no parque quando você mora em NY, mas existem muitos e muitos outros países além da América do Norte.

Link to comment
Share on other sites

Vou começar hoje meu detox de duas semanas até o dia da minha prova. O único jogo que estou viciado eh wild rift. Acho que não vai ser tão difícil de superar.

Eu fico muito apegado a jogos que compro itens como Skins ou passes de batalha, me sinto obrigado a usar o que gastei 😰😰😰

Link to comment
Share on other sites

Bom dia 🌞 


Ainda não consegui me livrar do wild rift para a prova.
Terça-feira baixei o jogo no meu celular principal de novo 😰😰😰

Quinta-feira começam minhas aulas na faculdade, então me dei esse motivo para quitar de uma vez.

Hoje, quarta-feira, um pouco antes de escrever esse post exclui o game mais uma vez 😮💨😮💨😮💨

Ontem joguei duas partidas com um amigo de infância que não vejo tem um tempo. Foi muito legal e tudo mais, porém não é esse objetivo que busco no momento. 

Esse game tem atrasado meus estudos, tem 2 semanas, e não posso me prejudicar mais por ele.
 

Seria muita burrice da minha parte.
 

Vou conseguir 😤😤😤

Link to comment
Share on other sites

Consegui parar com o Wild rift,

Realmente vai ser importante para manter meu foco até a prova. 


É incrível que assim que eu paro com games durante uns dias, meu ímpeto artístico aflora e eu tenho várias motivações musicais. Já vi alguns relatos aqui no fórum da música substituindo o vazio que os games deixam.

Link to comment
Share on other sites

Bom dia 🌞 

Estou finalmente focado e confiante para a prova! Venho me preparando desde o ano passado e sei que estou em forma para o exame 💪😤

Não vai ser fácil, mas preciso disso para dar seguimento a minha carreira profissional. Faltam poucos dias, então vou trabalhar meu psicológico e meu físico para chegar bem na prova e fazer tranquilo.

Assim que passar o exame, independente do resultado, (vou jogar um pouco de Pokémon cristal e umas partidas de Wild rift?), para dar aquela respirada até a próxima fase.

“Descobri” um novo gênero musical e estou muito viciado em vaporwave. Me trás muitas memórias aleatórias da minha infância que foi nos 90’s. Então me remete a quando eu era apenas uma criança que estudava bastante para não ser um peso morto para meus pais que tinham se divorciado na época. Me sentia uma pedra no caminho.

Link to comment
Share on other sites

Bom dia 🌞 

Fiz a minha prova e estou só por uma questão de passar 🥵🥵🥵 Não sei se vou conseguir mas me mantenho firme até o fim. Se não der, o jeito é estudar mais para o próximo exame.

A prova foi no domingo, na manhã da segunda-feira eu joguei 2 partidas de Wild rift e foram suficientes para matar a minha vontade, resumindo.

Comprei peças de hardware que já queria tinha bastante tempo, mas isso me deixou um pouco ansioso pq gastei mais que estou acostumado. Agora vou me manter focado nos estudos o que deve me manter numa economia de gastos. 

Fiz anúncios de vendas de actions-figures que tenho na minha coleção. Não quero ser aquele cara que acumula todo tipo de coisa.
Além disso, estou precisando me recapitalizar nesse momento.

Vou usar minha câmera Nikon para tirar fotos das minhas próximas vendas, acho que vai dar uma impulsionada no resultado.

Link to comment
Share on other sites

  • 3 weeks later...

Ainda não consegui vender nada,

😰😰😰

tenho que repensar minha estratégia de venda. 

Parte do hardware chegou e foi muito legal. Comecei a estudar sobre programação e estou me sentindo o máximo.

Nos sábado eu ainda jogo um pouco, hoje por exemplo, 22:22h, 12/03/22, sábado, sai com uma menina legal,

💗💗💗

e quando cheguei em casa joguei Dark souls 2 no velho amigo PS3 que tenho aqui. Foi divertido, e sinto que estou satisfeito.
 

Fico ainda impressionado que a função que on-line ainda funcione bem 😱

Amanhã, domingo, já vou me preparando para o recomeço da semana. Estudando um pouco e jogando menos( talvez um pouco de 3DS offline?) para entrar na segunda focado nas responsabilidades.

Minha meta é de não jogar nada durante a semana útil, ocupando meu tempo de diversão com música e arte. Exercícios físicos também tem que existir, sem que sejam substituídos por outra coisa, devem ter seu momento garantido.

Hoje acordei com minha clássica dor de coluna. Dói muito. Espero poder superar-la nos próximos dias. 

 

Link to comment
Share on other sites

  • 2 weeks later...

Prometi para mim mesmo que não vou mais gastar um centavo com games.

tenho que ser leal comigo mesmo. 
Acho que o nome disso é “amor-próprio”.

Tenho mais que o suficiente de jogos para toda uma vida.

💵💵💵🎮

Link to comment
Share on other sites

  • 1 month later...

“ A beleza dela é como o por do sol. Sempre vai estar lá para contemplarmos, mas é simplesmente intocável, intangível. Como algumas coisas da vida devem ser.”

Link to comment
Share on other sites

  • 3 months later...

Essa é uma jornada e tanto, li todo seu diário. Na época que você começou, eu estava morando em Cascavel no PR, e meu computador tinha queimado a placa mãe, ai fui "forçado" a fazer o detox por quê meu pai não iria comprar outro para mim, ele falava que eu era viciado, e eu negava, achando q estava tudo sobre controle e acabei perdendo muito tempo sem estudar, sem trabalhar, perdi todos os concursos que eu ia fazer, nem me inscrevi em alguns deles e eu nem percebia o mal que os jogos estavam fazendo. Nessa época sem PC, eu consegui bater minhas metas no treino, eu participei de uma corrida de maratona que fiquei em décimo colocado, arranjei uma namorada e foi as mil maravilhas, poder estudar sem as distrações constantes e pensamentos de jogos, não deixar de ir em festas para jogar em casa trancado e diversas coisas.

Em 2020 a gente se mudou pra Brasília, onde tô morando agora, tenho um tio e uma prima que moram aqui, então não estou 100% sozinho, mas a cidade é obviamente enorme, eu não posso sair por ai pra ver meus amigos quando quiser, e também que eu não fiz nenhum amigo significativo ainda, apenas aquele pessoal que você conversa de vez em quando na academia, ou manda umas mensagens no zap pra saber se tá bem. E além disso, eu comecei a trabalhar como tradutor quando cheguei, consegui uma grana e comprei um note pra estudar, só que o vício bateu no momento que eu peguei ele, comecei a baixar steam, lol, todos os jogos que eu jogava, e acabei me viciando. Um ano e meio praticamente desperdiçados sem fazer nada, só jogando em casa trancado, larguei o trabalho como tradutor pelos jogos, larguei os poucos amigos que fiz aqui, quase perdi um semestre inteiro na faculdade por causa disso, sorte que eu consegui conversar com os professores e eles me deram a oportunidade de uma semana toda fazendo as provas, e eu só estudei pelo desespero e pânico, mas consegui passar em todas as matérias.

No dia 21 de julho foi meu aniversário, e eu menti pro meu pai quando ele me perguntou se estava tudo bem com a faculdade e meu trabalho. Eu odeio mentiras, e principalmente mentir pros meus familiares, eu estava com muita vergonha de admitir pra ele que sou um viciado e que larguei o trabalho de tradutor pra jogar mais. Mas foi nesse dia que eu decidi que eu tenho que parar, e cá estou eu tentando retomar as rédeas da minha vida.

  • Like 1
Link to comment
Share on other sites

  • 3 months later...
On 7/27/2022 at 5:32 PM, Allan Silva said:

Essa é uma jornada e tanto, li todo seu diário. Na época que você começou, eu estava morando em Cascavel no PR, e meu computador tinha queimado a placa mãe, ai fui "forçado" a fazer o detox por quê meu pai não iria comprar outro para mim, ele falava que eu era viciado, e eu negava, achando q estava tudo sobre controle e acabei perdendo muito tempo sem estudar, sem trabalhar, perdi todos os concursos que eu ia fazer, nem me inscrevi em alguns deles e eu nem percebia o mal que os jogos estavam fazendo. Nessa época sem PC, eu consegui bater minhas metas no treino, eu participei de uma corrida de maratona que fiquei em décimo colocado, arranjei uma namorada e foi as mil maravilhas, poder estudar sem as distrações constantes e pensamentos de jogos, não deixar de ir em festas para jogar em casa trancado e diversas coisas.

Em 2020 a gente se mudou pra Brasília, onde tô morando agora, tenho um tio e uma prima que moram aqui, então não estou 100% sozinho, mas a cidade é obviamente enorme, eu não posso sair por ai pra ver meus amigos quando quiser, e também que eu não fiz nenhum amigo significativo ainda, apenas aquele pessoal que você conversa de vez em quando na academia, ou manda umas mensagens no zap pra saber se tá bem. E além disso, eu comecei a trabalhar como tradutor quando cheguei, consegui uma grana e comprei um note pra estudar, só que o vício bateu no momento que eu peguei ele, comecei a baixar steam, lol, todos os jogos que eu jogava, e acabei me viciando. Um ano e meio praticamente desperdiçados sem fazer nada, só jogando em casa trancado, larguei o trabalho como tradutor pelos jogos, larguei os poucos amigos que fiz aqui, quase perdi um semestre inteiro na faculdade por causa disso, sorte que eu consegui conversar com os professores e eles me deram a oportunidade de uma semana toda fazendo as provas, e eu só estudei pelo desespero e pânico, mas consegui passar em todas as matérias.

No dia 21 de julho foi meu aniversário, e eu menti pro meu pai quando ele me perguntou se estava tudo bem com a faculdade e meu trabalho. Eu odeio mentiras, e principalmente mentir pros meus familiares, eu estava com muita vergonha de admitir pra ele que sou um viciado e que larguei o trabalho de tradutor pra jogar mais. Mas foi nesse dia que eu decidi que eu tenho que parar, e cá estou eu tentando retomar as rédeas da minha vida.

Olá amigo!
 

Muito grato de você ter acompanhado meu relato por aqui. Estar conectado com pessoas que passam a mesma situação nos trás força para continuar. 

Brasília deve ser uma cidade incrível! Penso que tem muita influência rock por ai, talvez seja um bom lugar para se começar uma banda? Legião urbana feelings haha

Cara, a vida é boa. E no fim do dia, jogos são criados apenas para continuarmos jogando e gastando nosso precioso dinheiro com eles.

Vamos para luta! Eu estou longe de ficar curado do vício em games, mas enquanto há vida há esperança.

Link to comment
Share on other sites

Olha, tenho tido muita dificuldade em lidar com as contas de jogos que já comprei conteúdo in-game. Por exemplo minha conta de wild-rift, tenho tantas skins lá que eu gosto, como esquecer-las? 🥺😭😭

Link to comment
Share on other sites

É meus amigos… passei o final de semana TODO jogando wildrift. Sinceramente não posso fazer isso, tenho que estudar para a prova da minha vida em menos de 1 mês!!!

Faço meu juramento de ficar sem jogar até o dia 11/12. É difícil conciliar as coisas assim 🥺🥺🥺 minha vida social tá uma merda e me sinto um fardo para minha família. Me sinto muito sozinho. Mas sei que pra resolver isso tenho que estudar.

Esse fds eu tive essa recaída pesada, mas vou pensar que foi um “descanso” para voltar energizado para a rotina. Tenho que conseguir. Essa prova é a minha MAIN QUEST, n posso falhar.

 

 

7FD429DD-8F2F-452E-9A58-879E686C30B2.png

Link to comment
Share on other sites

Então…
 

Relendo toda minha trajetória por aqui, parece que minha luta tem sido um fracasso haha mas a verdade é que meu vício que é muito forte e está enraizado na minha infância solitária e resultado de um divórcio prematuro dos meus pais.

Tenho tido dificuldade para largar todo o meu “investimento” em games e esse tem sido o principal motivo de me deixar ainda conectado. Por sorte acabei de ver o novo vídeo do Game-Quiters no YouTube e fala justamente disso. Esse post na verdade eh para agradecer a iniciativa desse site e agradecer toda a comunidade que está envolvida nesse site.

Obrigado a todos, e vamos para a luta!! 🥺😭🐲😤

54F70FF0-8DEC-4BE4-BCC0-0EFA031C57BE.png

  • Like 1
Link to comment
Share on other sites

Games de celular são muito viciantes e são os piores atualmente, eu acredito. A possibilidade de jogar a qualquer momento e on-line é muito forte e tem viciado muitos que conheço. Vou tentar ficar longe até o dia da minha prova. 

Link to comment
Share on other sites

Nossa, as coisas começaram a melhorar 🙏😭

Esse diário é um relato muito fiel de como estava minha vida a 3 anos atrás. Eu me encontrava desempregado, perdido em maus hábitos e jogando muito sempre. 
Mas fui tentando mudar, e não foi fácil, recai diversas vezes (a última gastei R$ 80,00 em skin de Wild rift), mas só a vontade de mudar já é suficiente para que a mudança realmente aconteça. 

Hoje começo a me sentir mais forte, passei em um concurso que vai me ajudar muito daqui para frente e venho estudando como rotina para as futuras provas que virão. Me sinto forte e focado. Exclui todos os apps de rede social e jogos até a data da minha próxima prova e me sinto feliz por isso, da vontade de jogar uma partida de Wild rift nas horas vagas, mas tento pensar na falta de objetivo real que isso me proporcionaria, e venho conseguindo ficar longe.

Hoje sofremos as consequências dos nossos hábitos dos anos passados, e acredito que só agora tenho recebido os frutos reais da luta na mudança de hábitos e consciência de quando comecei esse relato por aqui.

655E5E53-6BAD-4288-B4B9-9DCA12AD5AAC.png

Edited by Stivmorrison
Link to comment
Share on other sites

Pois é,

Ontem estava tão feliz que aceitei um convite de ir ver com amigos o jogo do  Brasil 🇧🇷 no bar da vez aqui da minha cidade.

Acontece que o bar estava super-cheio, mal dava para ver os lances do jogo e muito abafado. Durante a pandemia tomei pavor de lugares apertados com muita gente e poucas saídas.

O Brasil perdeu, e só hoje de manhã lembrei que a uma semana atrás um dos meus amigos que estava lá teve Covid. E para completar quando cheguei em casa me dei conta que tinha esquecido um encontro de TCC com meu professor 😰

Nesse breve momento de felicidade ou irresponsabilidade botei muita coisa a perder. Minha saúde e meu trabalho, pois não posso ficar doente até a minha próxima prova!! 😓😓😓

(Me faz pensar… se eu tivesse baixado Wild riff e assistido o jogo em casa teria sido melhor)

Link to comment
Share on other sites

O final de ano está quase aí! 🌲🌟🎅

E junto com ele, a pressão econômica chegou para mim. A maioria das pessoas está sem dinheiro. Mas então, por que não celebrar a saúde?

Me sinto em uma fase de transição no trabalho e por enquanto tenho tudo a perder, com pouco dinheiro em mãos e muita coisa para pagar…

Mas acho que faz parte da vida mesmo esses momentos, a luta é constante, se está fácil demais, tem algo de errado. Minha vida foi fácil por tempo demais. 

As vezes da vontade de jogar um Wild Rift, mas me mantenho longe como combinado (aqui e comigo mesmo). Tenho jogado algo off-line no PS3, como Assasins creed black-flag (época de ouro da série) e tem sido legal, jogatina rápida e não me tira do foco, apenas um descanso.

Link to comment
Share on other sites

Create an account or sign in to comment

You need to be a member in order to leave a comment

Create an account

Sign up for a new account in our community. It's easy!

Register a new account

Sign in

Already have an account? Sign in here.

Sign In Now
 Share